Produtos digitais mais vendidos na internet: conheça-os e aprenda a criar os seus!

Educação, Empreendedorismo e Marketing Digital

produtos digitais mais vendidos na internet

Produtos digitais mais vendidos na internet: conheça aqui os 4 produtos digitais mais vendidos na internet e aprenda a criar os seus! 

Ganhar dinheiro na internet é um assunto que não para de ser abordado. Técnicas matadoras de vendas, métodos revolucionários, histórias de milionários digitais e a promessa de um sucesso imediato.

É possível? É! Mas não é de um dia para outro e como qualquer outro negócio, precisa de investimento financeiro, muita dedicação, muito trabalho e muita persistência.

A grande diferença entre os negócios digitais e os negócios físicos é que o investimento na criação do negócio é muito menor, já que gastos com aluguel e estoque não existem, certo?

O que você vai comercializar no seu negócio digital é um produto digital, também chamado de infoproduto.

 

O que são produtos digitais?

Produtos digitais, são produtos de informação (por isso infoprodutos), que têm o objetivo principal de resolver um problema específico do público-alvo. Os problemas são os mais diferentes e com certeza, você poderia ajudar alguém (ou milhares de pessoas) a resolver este problema.

Seu conhecimento, suas experiências de vida, experiências pessoais e profissionais, suas viagens, seus conflitos, derrotas e vitórias podem sim ajudar e inspirar pessoas.

E quais são os produtos digitais mais populares?

 

Conheça os 4 produtos digitais mais vendidos na internet: 

 

#1 eBook

Provavelmente o produto digital mais fácil de ser criado e comercializado.

É claro que você vai ter que saber escrever sobre o assunto, pesquisar, mostrar dados, revisar e formatar o seu eBook. Mas um infoproduto não é um romance e o que você realmente vai precisar fazer é reunir as informações necessárias para que seu público possa resolver o problema encontrado.

Depois é só formatar, criando um simples PDF ou usando um formato mais adaptado para os livros digitais como o formato epub e colocá-los no comércio. Uma boa opção pode ser a Amazon, especialista na venda de livros digitais.

Veja esses dois exemplos de eBooks: 

 

eBook sobre dieta paleo

No eBook Dieta Paleolítica: guia completo, lançado em 2019 pela Hotmart (plataforma digital) a autora, Glória Moraes de Albuquerque criou um guia sobre a dieta com informações como:

  • O que é a Dieta Paleolítica;
  • Quais são seus Benefícios;
  • O que pode ser consumido;
  • O que não deve ser consumido;
  • Cronograma de cardápio diário;
  • Receitas Paleolíticas fáceis de fazer e com baixo custo

 

Para isso, além de estudar o assunto e reunir as informações, ela formatou o livro e criou a capa com a ajuda do que aprendeu no meu curso Design Profissional com o Canva.

Outro exemplo é o livro Como ter boas ideias e tirá-las do papel da Bruna Ruschel Moreira: 

eBook como ter boas ideias

A Bruna, aliás, Doutora Bruna Ruschel Moreira, está fazendo seu pós-doutorado em Design e (entre outros) publicou este eBook (que eu só posso recomendar a leitura!) pela Amazon.

No livro ela nos mostra como o processo criativo acontece, como podemos exercitar a nossa criatividade, como evitar comportamentos que prejudicam as boas ideias e nos dá as ferramentas necessárias para que nós também possamos ter boas ideias e colacá-las em prática.

Clique para comprar (e ler!!) o livro da Bruna: 

 

Se você quer saber como publicar seu livro na Amazon, conheça o curso do Leandro da Costa Gonçalves:

 

#2 Audio Books

Os audiobooks são os livros „falados“. Aqui, você não vai criar um conteúdo escrito, mas falado (pode até ser o seu próprio eBook agora contado/lido por você mesmo). Para isso, basta usar o Audacity (programa gratuito para gravação e edição de áudio) e exportar seu arquivo no formato MP3.

E você não conhece o programa, minha sugestão é o curso do David Bizzo Marques e do Ronaldo Camilo:

 

#3 Cursos Online

Os cursos online, são os queridinhos entre os produtos digitais. Você já passeou pelas plataformas de cursos online para ver a quantidade de assuntos/ temas e a quantidade de alunos matriculados nesses cursos?

O mercado do ensino a distância ultrapassa dos 107 bilhões de dólares e não para de crescer. A boa notícia? Você não precisa ser um doutor em educação a distância nem um expert em novas tecnologias para criar seu curso online.

Neste post eu mostro os primeiros passos para a criação de cursos online de sucesso:

Você também não precisa criar uma plataforma de cursos online para poder oferecer o seu curso, você pode usar uma plataforma existente (e de preferência reconhecida) para disponibilizar o seu conteúdo. Veja como escolher a plataforma correta para hospedar e comercializar seus cursos online:

Eu, por exemplo, uso a Udemy, uma plataforma internacional de EAD com mais de 20 milhões de alunos ativos dentro da plataforma.  A vantagem para mim? A Udemy é uma plataforma reconhecida (o que tranquiliza os alunos), investe massivamente em marketing (o que me ajuda e me tranquiliza) e é 100% gratuita para mim! Ou seja, eu não preciso investir absolutamente nada para fazer meu negócio (cursos online) acontecer.

Tenho um post com vídeo falando:

 

#4 Programas de assinatura

Os programas de assinatura seguem o modelo de negócios da Netflix: o aluno paga uma mensalidade para ter acesso aos seus cursos online e/ou conteúdo informativo.

Um bom exemplo é a Stoodi 

Stoodi cursinho online

 

A Stoodi é uma grande plataforma de estudos, que disponibiliza cursos pré-Vestibulares e ENEM. Possui diversos planos com diferentes maneiras de avaliação.

A Stoodi é principalmente

uma startup brasileira de educação, nascida em 2013, com o sonho de contribuir para que todos os brasileiros tenham acesso a uma educação de qualidade, independentemente de suas condições sociais.

 

Outro exemplo é o meu grupo de mentoria e interação online. Aqui, os integrantes também pagam uma mensalidade para poder ter acesso a conteúdos exclusivos, aulas ao vivo, acompanhamento personalizado, além do acesso aos meus cursos online e ao grupo, claro! Clique para saber mais sobre o grupo:

 

Qualquer pessoa pode criar um produto digital? 

Sim, todos nós podemos desenvolver nossos produtos digitais, compartilhar nosso conhecimento, ajudar quem quer adquirir este conhecimento e gerar renda online.

E sabe o que é melhor nisso tudo? Uma vez criado, o seu produto é distribuído automaticamente. Você não precisar enviar cada eBook individualmente, nem matricular cada aluno no seu curso. Depois de criar seu produto, você só vai precisar divulgá-lo e receber os dividendos diretamente na sua conta!

O poder da internet é inegável, ela conecta pessoas pelo mundo inteiro e faz parte do nosso cotidiano.  Segundo dados publicados pela revista Exame, o Brasil é o 4° país em números de usuários de internet:

Com 120 milhões de pessoas conectadas, o Brasil fica atrás apenas dos Estados Unidos (242 milhões), Índia (333 milhões) e China (705 milhões) 

Além disso, é preciso lembrar que o português é a quinta língua mais falada na internet, ou seja, você não precisa se limitar aos 120 milhões de brasileiros conectados diariamente no Brasil.

Eu, por exemplo, moro em uma cidadezinha de 12 mil habitantes na Alemanha e no dia de hoje, tenho mais de 23 mil alunos em 87 países diferentes.

 

Compartilhar conhecimento online é um negócio lucrativo sim.

Mas é mais do que isso! É um prazer saber que o que eu sei ajuda pessoas que não me conhecem pessoalmente (e a maioria delas nem vai me conhecer) e que se não fosse pelo alcance do conteúdo e dos produtos digitais (eBooks, cursos online, vídeos no youtube, palestras online) que eu venho desenvolvendo, eu não poderia ter contribuído para a formação deles.

Veja o que diz o professor Willy Wilson por exemplo: 

 

E como saber o que as pessoas querem aprender?

Como criar meu produto? Como comercializá-lo? Como torná-lo atraente para o meu público?

A primeira coisa a fazer é começar a pensar como um empreendedor: saber identificar as necessidades do mercado, inovar na criação de produtos, conhecer os canais de divulgação e de distribuição de produtos digitais.

 

Quer um exemplo simples de produto digital para você criar sem muito trabalho?

Se você já criou treinamentos, palestras, workshops ou leciona você já criou uma apostila como guia de estudos ou material complementar para os participantes, não?

E por que não comercializá-la em formato digital?

Quantas pessoas se interessam pelo assunto e não puderam participar do seu treinamento presencial?

Tem um canal no youtube? Por que esperar pelos rendimentos do youtube adds para monetizar seus vídeos?

Quantos dos seus seguidores não iriam gostar de ter todo o material disponível, na sequência e com material complementar?

Você certamente escreveu um roteiro para os vídeos, não?

Este roteiro pode se transformar facilmente no texto do seu eBook interativo:

Texto explicativo + links para seus vídeos no youtube 

Para meus alunos eu sempre digo que eles não precisam reinventar a pólvora para serem criativos e inovadores.

Eu posso dizer isso para você também!

Mas você precisa saber analisar o mercado (o que o seu público-alvo quer/precisa), a concorrência (o que já está sendo feito? o que já existe?) e visualizar o seu produto (como ele vai se diferenciar/se destacar no mercado? O que ele vai agregar de valor para o meu público?).

Se você está chegando por aqui agora e quer dar seus primeiros passos no mercado digital, inscreva-se no meu minicurso gratuito sobre negócios online para ter uma ideia geral de como isso tudo funciona:

Se você já fez sua primeira experiência no mundo digital, mostre seu trabalho! Você pode usar o espaço reservado para os comentários para falar sobre você e o seu produto.

Ainda não? Não sabe por onde começar? Deixe sua pergunta, quem sabe eu posso ajudar você nesta jornada?

Ou, me ajude entender as suas dificuldades participando da minha pesquisa e receba uma mini consultoria minha por e-mail:

Agora é com você! 

Conhece mais alguém que pode se beneficiar desse conteúdo? 

Compartilhe, contribua para o desenvolvimento da sua rede de contatos e ajude as pessoas a perceberem você como alguém que sabe das coisas (vou explicar isso direitinho em breve, fique de olho!)

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *